Teses e Dissertações

(18/09/2015) TECENDO AS REDES DE UMA NOVA AGRICULTURA: um estudo socioambiental da Região Serrana do RS

Este trabalho tem como objeto de investigação os processos através dos quais diferentes redes agroalimentares influenciam as formas de manejo dos agroecossistemas no âmbito da agricultura familiar. A pesquisa procura analisar, particularmente, as transformações que
ocorreram na organização das unidades produtivas familiares a partir do momento em que estas passam a se vincular à redes alternativas, que buscam promover a produção e o consumo de produtos “orgânicos” ou “ecológicos”. A trajetória percorrida no decorrer da década de 1990, por explorações agrícolas familiares vinculadas e não vinculadas às redes alternativas, foi reconstituída a partir de um estudo-de-caso envolvendo dezessete comunidades rurais pertencentes aos municípios de Ipê e Antônio Prado, situadas na Região Serrana do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. A emergência de novas formas de organização da agricultura
familiar baseadas em princípios de eqüidade social e sustentabilidade ambiental é discutida a partir dos resultados do estudo, em seus limites e potencialidades.

 voltar

 

Notícias 

Alimentos da época ajudam a restaurar conexão com a natureza

Mais que economia ou saúde,  quem prefere alimentos frescos, agroecológicos e da safra está, na verd...



Produção e certificação de orgânicos do Sul do Brasil no Congresso Mundial de Agricultura Orgânica

O agrônomo Laércio Meirelles e o agricultor Marcelo Nunes Vieira levaram para os participantes do p...


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br