Notícias
 
( 02/04/2017 ) Conexão Solidária pesquisa no Sul referências para comercialização de produtos orgânicos
 

Embora em São Paulo existam iniciativas que levam produtos diretamente dos produtores para o consumidor, como o Instituto Chão e o Armazém da Terra, a coordenadora comercial da Conexão Solidária, Roberta Procópio, veio buscar, no final de março no Rio Grande do Sul, mais referências de comercialização de produtos ecológicos. A administradora aproveitou a agenda no Sul do País, onde visitou grupos que fornecem para a Conexão Solidária, para conhecer a agroindústria Carraro, em Monte Alegre dos Campos, na Serra. No Litoral Norte, visitou a Cooperativa de Produtores Econativa, a Cooperativa Agrícola Santo Anjo (Coopergesa), a agroindústria Alimentar.org, o Organismo Participativo da Conformidade Orgânica (Opac) da Rede Ecovida, e as cooperativas de consumidores de Três Cachoeiras (Coopet) e de Torres (Ecotorres).

Conforme Roberta, a agricultura familiar hoje produz uma diversidade de alimentos orgânicos certificados e com logistica, mas os compradores ainda têm preconceito, porque acham que os produtos não vão chegar, ou nao terão frequência de entrega. Isso está caindo por terra quando eles percebem que tem sim, como chegar , como vender, e que o produto é aceito pelo consumidor. .

Em relação à Ecotorres, Roberta imaginou um espaço com a mesma proposta de envolvimento com as questões socioambientais, em São Paulo, porque percebe o interesse, na Capital paulista, por esse tipo de consumo.

Conexão Solidária anda junto com a ADS

A Conexão Solidária foi criada , em 2010, quando a Agência de Desenvolvimento da Solidário (ADS) já contava 11 anos de atividades. Nesse período, a ADS percebeu que a maior dificuldade da produção dos grupos de produtores e artesãos era chegar até o mercado consumidor , sem passar por atravessadores. Desde então a Conexão trabalha com vários segmentos: artesanato, textil, serviços. A agricultura familiar é um setor novo, trabalhado desde 2013.

Visita ao Litoral Norte teve apoio do Centro Ecológico

O biólogo Sidilon Mendes, da equipe técnica do núcleo Litoral do Centro Ecológico, foi o responsável pelo roteiro da coordenadora comercial da Conexão Solidária na região.


   
 

Cursos

20/11
Plenária do Núcleo Litoral Solidário da Rede Ecovida de Agroecologia
21/11
Curso Princípios Básicos em Agricultura Ecológica


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br