Notícias
 
( 07/05/2007 ) Banana ecológica do litoral norte do RS conquista novos mercados
 


Há mais de cinco anos sendo comercializadas em feiras ecológicas e pontos de venda diferenciados, as bananas ecológicas do litoral norte do Rio Grande do Sul vêm ganhando cada vez mais espaço na mesa de diversos tipos de consumidores. Vendida ou doada, tanto faz. O importante é o benefício que consumo de um produto puro traz para quem consome, quem produz e, principalmente para o meio ambiente.

Mais de seis mil pessoas beneficiadas pelo consumo de banana ecológica

Na quarta-feira, 02 de maio, mais de seis mil pessoas do litoral norte do Rio Grande do Sul recomeçaram a ser beneficiadas pelo consumo da banana ecológica da região de Torres. São crianças, jovens, idosos e adultos de creches, asilos, escolas, centros comunitários, apaes e pastorais de Torres, Três Cachoeiras, Arroio do Sal, Capão da Canoa , Xangrilá, Tramandaí e Osório que receberão semanalmente cerca de sete mil quilos de bananas cultivadas sem agrotóxicos por agricultores e agricultoras de municípios da região de Torres.

A doação é viabilizada através do Projeto Compra Antecipada Especial da Agricultura Familiar – Doação Simultânea, da Conab ( Companhia Nacional de Abastecimento) proposto pela Econativa – nome da Cooperativa Regional dos Produtores Ecologistas do Litoral Norte do RS e Sul de SC. Esta já é a terceira edição do projeto. A primeira aconteceu entre julho de 2005 e janeiro de 2006. A segunda teve início em fevereiro de 2006 e foi até fevereiro deste ano.

Doce de banana ecológico na merenda escolar de Santa Catarina

Em abril, o Governo do Estado de Santa Catarina comprou 20.000 vidros de 700 gramas de doce de banana ecológico para a merenda escolar. Os doces foram produzidos na Agroindústria Morro Azul - que tem parceria com a Econativa – e garantidos por um selo de certificação, obtido através do sistema de certificação participativa da Rede Ecovida de Agroecologia.

Banana ecológica da agrofloresta na rede Zaffari de supermercados

Desde março de 2006, agricultores e agricultoras assessorados pelo Centro Ecológico estão comercializando bananas cultivadas em sistema agroflorestal para a rede Zaffari de supermercados, uma das mais tradicionais da capital gaúcha, Porto Alegre. Além do consumo de alimentos puros, o consumidor porto-alegrense tem a oportunidade de apoiar a preservação e a recuperação da Mata Atlântica, consumindo em sua própria cidade. As bananas são do tipo prata e caturra. São vendidas em embalagens de 500 gramas, com selo da Rede Ecovida de Agroecologia.


   
 

Cursos

20/11
Plenária do Núcleo Litoral Solidário da Rede Ecovida de Agroecologia
21/11
Curso Princípios Básicos em Agricultura Ecológica


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br