Notícias
 
( 31/08/2016 ) Visita à brinquedoteca estimula o trabalho de educadoras ambientais do Litoral Norte/RS
 


Quando 21 professoras de cinco escolas da região partiram, no início manhã de quinta-feira, 25 de agosto, para a Brinquedoteca Municipal de Capão da Canoa, havia, entre as que já conheciam o espaço, muita expectativa; entre as que desconheciam, um certo ceticismo. Mas no final da manhã, quando as mesmas professoras voltaram, havia muitas propostas e novas perspectivas sobre a aprendizagem.

Pra nós foi maravilhoso. Num primeiro momento não imaginava que era tudo aquilo. As professoras amaram, vieram várias outras ideias, afirmou a diretora da Escola Municipal Professora Luzia Rodrigues, de Dom Pedro de Alcântara, Eliane Evaldt Webber.

Se para Eliane foi uma surpresa, para Sandra Model, professora do 4º ano do Instituto Estadual de Educação Maria Angelina Maggi, (Ieemam) de Três Cachoeiras, a quarta visita ao espaço foi uma injeção de ânimo, com as novas possibilidades no uso de jogos e brinquedos na sala de aula. Para Suelen da Silva Mattos, professora na mesma escola, a acolhida, as brincadeiras e o fechamento, que constituem etapas da visita, a fizeram reviver a infância e recordar a importância de brincar no processo de aprendizagem. Na opinião da educadora, às vezes um jogo, uma atividade como cantar, atuar, se fantasiar, trabalham mais e melhor um conteúdo e outras habilidades dos estudantes do que lápis e papel, porque têm mais significado para a criança.

Visita foi etapa de formação da Teia Mata Atlântica

A visita à Brinquedoteca Municipal de Capão da Canoa foi mais uma etapa de formação da Teia de Educação Ambiental Mata Atlântica, apoiada pelo Centro Ecológico. Inaugurada em 3 de julho de 2012, a brinquedoteca faz parte do Espaço Fênix e se configura como um Centro de Aprendizagem, voltado à educação pela ludicidade de alunos e professores da rede municipal de escolas do município de Capão da Canoa. Para quem perdeu essa visita, existe a possibilidade de organizar mais uma, caso haja interesse por parte das professoras. Dessa vez participaram: Escola Municipal Professora Luzia Rodrigues, Escola Estadual de Ensino Fundamental Dom José Baréa, Escola Municipal Fernando Ferrari, Escola Municipal de Educação Infantil Abelhinha e Instituto de Estadual de Educação Maria Angelina Maggi.

Teia integra educadoras e educadores de escolas públicas do Litoral Norte do Rio Grande do Sul

A Teia de Educação Ambiental Mata Atlântica é uma rede de educadores ambientais formada em 2005. A Teia hoje integra professoras, professores, merendeiras e diretoras de escolas do Litoral Norte do Rio Grande do Sul.


   
 

Cursos

23/7
Jornadas Ecológicas - Roda de conversa com Maria José Guazzelli


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br