Notícias
 
( 21/09/2015 ) Consumo de orgânicos cresce na Suécia
 


O consumo de alimentos orgânicos cresceu 50% no primeiro semestre de 2015 na Suécia. Na avaliação da especialista em Segurança Alimentar da Sociedade Sueca de Proteção à Natureza (SSPN) Karin Höök, esta mudança ocorreu principalmente devido à busca por saúde, ao desejo dos consumidores de saber a procedência dos alimentos e à rejeição aos alimentos pulverizados com agrotóxicos. Está em curso também no país um grande debate a respeito da ameaça dos antibióticos usados na produção de carnes para a saúde humana.

Por meio da divulgação de informações e apoio à pesquisa, a SSPN contribui na conscientização dos suecos sobre a importância da comida na saúde e no ambiente. Em maio, a entidade promoveu em Estocolmo a apresentação de um estudo comparativo entre métodos orgânicos e convencionais de bananicultura na Costa Rica, República Dominicana e Brasil. O relatório foi apresentado pelo agrônomo André Gonçalves, professor e membro da equipe do Centro Ecológico, para jornalistas e empresas de varejo da Suécia. O objetivo era estimular o consumo de banana orgânica, tendo em vista o alto índice de contaminação das bananas convencionais.

Com mais de cem anos, a SSPN é a entidade de proteção ambiental mais antiga da Suécia, onde 17% da área dos cultivos é orgânico. Na África, Ásia e América Latina, a SSPN apoia o trabalho de aproximadamente 40 organizações que promovem a agricultura sem venenos junto a agricultores e consumidores.


   
 

Cursos

20/11
Plenária do Núcleo Litoral Solidário da Rede Ecovida de Agroecologia
21/11
Curso Princípios Básicos em Agricultura Ecológica


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br