Notícias
 
( 06/06/2014 ) Petição - você quer na sua casa produtos feitos com organismos vivos fabricados em laboratórios?
 


Um óleo produzido por uma alga criada artificialmente através da biologia sintética e alimentada em tanques com cana de açúcar é a aposta "verde" da empresa Ecover/Method para vender mais sabão em pó. O apelo de green cleaning - limpeza verde - é o mais forte dos produtos da empresa baseada na Bélgica.

Longe de ser uma solução sustentável ao óleo de palma até então usado como ingrediente do sabão, o óleo de  algas é resultado de uma tecnologia não discutida e  não regulamentada, que inúmeros cientistas avaliam como extremamente perigosa.  E que está entrando no dia a dia das pessoas sem qualquer controle dos governos ou da sociedade. 
 
O editor consultor da revista científica Nature, Philip Ball, afirmou que "se compararmos a biologia sintética com a biotecnologia e a engenharia genética convencionais, os riscos que a biologia sintética acarreta são muito mais aterrorizantes". 
 
Que riscos a biologia sintética pode trazer para a vida humana e o ambiente do qual todos dependemos?

  • Os organismos derivados da biologia sintética podem escapar para o ambiente e ninguém ainda sabe o que pode acontecer a partir da interação deles com a natureza.


  • Não existem medidas de biossegurança para evitar escapes para o meio ambiente. 


  • O cultivo de cana de açúcar está associado a denúncias de trabalho escravo, trabalho infantil e devastação do Cerrado brasileiro - fica fácil perceber o quanto o sabão feito com óleo de algas engenheiradas é um produto que não pode ser anunciado como ecológico, verde, ou sustentável. 


  • Num planeta em que se discute se haverá alimento e terra para plantar para todos no futuro próximo, é inconcebível que monoculturas para combustíveis, sabões e outros produtos ocupem terras e desalojem agricultores familiares que produzem comida. 


Antes que estes ingredientes entrem em nosso país, em nossas casas, sem que tenhamos a oportunidade de avaliar e escolher, vamos dizer à Ecover/Method que pare de utilizá-los e dizer que são verdes.

A petição está em www.syntheticisnotnatural.com.

Mais informações nesta carta aberta assinada por 23 organizações e na revista Biologia Sintética da série Novas Tecnologias.


   
 

Cursos

21/11
Curso Princípios Básicos em Agricultura Ecológica


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br