Notícias
 
( 04/06/2014 ) Feira mostra produção de alimentos e benefícios ambientais da agroecologia no Litoral Norte do RS
 


Com o tema 2014 Ano Internacional da Agricultura Familiar, a12ª Feira da Biodiversidade e 5ª Feira da Economia Solidária reuniram em Três Cachoeiras estudantes, autoridades,professoras e consumidores para ver como os agricultores ecologistas produzem alimentos e benefícios ambientais no Litoral Norte do Rio Grande do Sul.

¨Esta feira mostra como nossa região está organizada ecologicamente¨, resumiu a representante do Movimento de Mulheres Camponesas (MMC) Catia Bauer, na abertura oficial no Salão Paroquial.

Neste espaço, 25 bancas de escolas, grupos, associações e cooperativas de Mampituba, Morrinhos do Sul, Três Forquilhas, Torres, Maquiné, Terra de Areia, Novo Hamburgo, Estância Velha, e os indígenas Guarani expuseram artesanato, sementes, hortaliças, frutas, plantas ornamentais, produtos de panificação e sorvetes de frutas nativas, entre outros produtos.

A banca de Jorge Evaldt , de Morrinhos do Sul, mostrava a variedade de sementes, batatas e frutas preservadas em sua propriedade. Para Evaldt, a feira deste ano estava diferente. “Vieram as autoridades municipais em peso. O trabalho das professoras também mudou bastante. Eles vêm e perguntam, coisas. Antes só olhavam, observou o agricultor depois de responder às perguntas da professora Gislaine Cardoso.

Junto com sua turma de pré-escolar, a integrante da Teia de Educação Ambiental Mata Atlântica, explicou que os pequenos estão trabalhando reciclagem e separação de lixo e uso de agrotóxicos: “Aqui a gente está mostrando que é possível plantar sem usar veneno”.


Seminário destacou que a saúde e o nosso futuro depende do solo

No Auditório da Prefeitura Municipal, um seminário com a especialista em transtornos sensoriais Carin Primavesi Silveira, reforçou a importância da agricultura familiar e da produção orgânica de alimentos.

“A agricultura familiar planta o sustento que nós comemos. O alimento saudável torna o ser humano saudável com um sistema nervoso saudável. O sistema nervoso que comanda o corpo e as emoções”.

Segundo os estudos apresentados pela psicanalista, os alimentos que são uma farmácia natural para o ser humano são aqueles nutridos por um solo saudável e que por isso não precisam de venenos para se defender de insetos, vermes e doenças.

Carin explicou que um ser humano saudável precisa de no mínimo 90 elementos químicos ,sendo os básicos vitaminas A, B, C, E, minerais como cálcio, fósforo, potássio, manganês, cromo selênio, molibdênio,enxofre, cobre, ferro, zinco, iodo e boro. “A deficiência de apenas um destes elementos desativa uma rede toda. Mas uma alimentação ecológica fornece tudo isso. Se teve veneno, já não contém”, ressaltou diversas vezes a especialista.

Promoção e apoio

A 12ª Feira da Biodiversidade e 5ª Feira da Economia Solidária foram promovidas pela ONG de assessoria técnica Centro Ecológico, Movimento de Mulheres Camponesas (MMC), Movimento de Mulheres Trabalhadoras Urbanas (MMTU), Emater/RS com apoio da Prefeitura Municipal de Três Cachoeiras.


   
 

Cursos

20/11
Plenária do Núcleo Litoral Solidário da Rede Ecovida de Agroecologia
21/11
Curso Princípios Básicos em Agricultura Ecológica


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br