Notícias
 
( 15/11/2017 ) Alimentos da época ajudam a restaurar conexão com a natureza
 

Mais que economia ou saúde,  quem prefere alimentos frescos, agroecológicos e da safra está, na verdade, se reaproximando dos ciclos do ambiente natural. "Enquanto éramos coletores, comíamos o que estava disponível na época, naquele local, estávamos conectados com a natureza",  explicou o enólogo e coordenador do Centro Ecológico de Ipê, Leandro Venturin, numa palestra especial para artistas locais na noite de 10 de novembro, na Cooperativa de Consumidores de Produtos Ecológicos de Torres (Ecotorres), no Litoral Norte/RS.
 
Conforme a apresentação de Venturin, à medida em que a humanidade avançou no cultivo e domesticação de plantas e animais, os coletores, que conheciam muito a natureza, foram perdendo poder.  Mas o cuidado de ter alimentos de cada estação contribui para reconstituir esse conhecimento sobre os ciclos da natureza e da arte de se alimentar.
 
"Fico bem feliz em ver estudos falando isso, pra mim faz muito sentido", desabafou Julia Bijoldo, uma das prováveis artistas a retratar as estações na loja, com painel em giz, por meio do Festival Quatro Estacões. Segundo sua principal idealizadora, Iara Aragonez, a proposta é reaproximar as pessoas da natureza, relembrando que ela é  nossa grande provedora, e não a indústria alimentar.
 
Festival marca início de cada ciclo
 
Cada mudança de estação será celebrada coletivamente como o início de um novo ciclo, onde a principal atração será uma representação em giz do significado de cada uma para a agrobiodiversidade.  "No final do ano teremos tido quatro celebrações: Solstício de Inverno,Equinócio da Primavera, Solstício de Verão ,Equinócio de Outono. A cooperativa também avalia que, além da pintura e degustação de alimentos agroecológicos, músicos locais possam se apresentar "naquela linha um banquinho um violão, algo suave, que busque sempre dialogar com a nossa temática", descreveu a associada.


   
 

Cursos

16/12
Festival das Estações da Cooperativa de Consumidores Ecotorres


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br